Cidades Inteligentes

Near Field Communication chega ao transporte público

O que é Near Field Communication (NFC)?

Muitos usuários do transporte público pagam sua viagem de ônibus ou trem com um cartão de transporte inteligente — um cartão sem contato — que é passado na frente de uma máquina de validação. De uma maneira similar, porém mais robusta, a tecnologia de NFC permite a comunicação wireless de curto alcance entre dois dispositivos que transmitem e recebem informações. Etiquetas móveis ou chips contendo recursos de identificação por radiofrequência (RFID), integrados em cartazes ou outros dispositivos públicos de transmissão/recepção, podem lançar materiais baseados na web automaticamente em um dispositivo com suporte a NFC, como um telefone celular.

A segurança e autenticação envolvidas nesta tecnologia inovadora tornam as transações financeiras, como serviços de emissão de bilhetes e pagamentos, aplicações populares para a tecnologia de NFC. Consequentemente, as empresas de telecomunicações e cartões de crédito estão vendo o telefone celular habilitado para NFC como um mecanismo de pagamento popular.

Para os usuários de transporte público, a NFC, em essência, incorpora o cartão sem contato no telefone celular do viajante e permite a emissão de bilhetes e pagamentos seguros ao passar o telefone celular (atrelado à conta bancária) próximo a um leitor de NFC.

 O transporte público é uma aplicação ideal para NFC

O transporte público vem demonstrando agilidade considerável na implementação de novas tecnologias nos seus sistemas de pagamento ou emissão de bilhetes. Certamente, a implementação rápida e generalizada da tecnologia sem contato em processos de transporte público pode ser atribuída em grande parte aos sistemas bem definidos do setor.

leaving_station

Passageiros se beneficiam com a tecnologia de NFC

O viajante que baixou o aplicativo de trânsito para o seu dispositivo móvel tem uma interface de usuário que vai fornecer múltiplos retornos:

– Conveniência. Telefones habilitados para NFC são ainda mais convenientes do que os cartões sem contato, dispensando a necessidade de procurar o cartão correto na carteira e esperar em filas nos terminais de vendas de bilhetes e máquinas de venda automática.

– Bilhetes virtuais são melhores do que os bilhetes de papel. Os bilhetes armazenados virtualmente em telefones são inerentemente mais duráveis, com menor probabilidade de serem perdidos e são percebidos como mais ecológicos do que as versões em papel.

– Suporte ao pagamento. Os dispositivos podem conter várias solicitações de pagamento, permitindo que o viajante selecione que método utilizar — crédito, débito, passes ou bilhetes pré-pagos. O usuário pode acessar rapidamente os dados do cartão, como saldo de crédito e validade.

– Transferências eletrônicas. O telefone habilitado para NFC serve como uma carteira eletrônica segura, que tem o poder de compra de um cartão de crédito e pode ser recarregado remotamente, de praticamente qualquer lugar, diretamente de um banco.

– Informações completas. Além do pagamento do bilhete, o telefone habilitado para NFC pode ser usado com leitores sem contato de trânsito e cartazes inteligentes existentes no local, permitindo aos viajantes acessar rapidamente informações atualizadas sobre a viagem, horários e conexões, e tempos de espera; histórico de viagens, incluindo as movimentações mais recentes; ofertas e promoções de viagens especiais, mensagens de emergência; destaques de destinos e muito mais.

size_590_solar-belgica Espera-se que os dispositivos móveis com a tecnologia de NFC incorporada simplifiquem drasticamente a maneira de um viajante fazer um pagamento de trânsito seguro.

A tecnologia de NFC também fornecerá ao usuário de trânsito as funções de valor agregado que vão fornecer acesso a quaisquer serviços públicos futuros de valor agregado que os gestores municipais estejam planejando em sua jornada para se tornarem cidades inteligentes.


No Responses

Deixe uma resposta

  • (will not be published)